Como tudo começou

Como tudo começou – Fundação Nobel rejeitou uma premiação ambiental

Em 1979, o teuto-sueco filantropista e filatelista Jakob von Uexkull dirigiu-se à Fundação Nobel com a proposta de criar dois novos Prêmios Nobel, uma premiação ambiental e um prêmio para promover o conhecimento e as perspectivas das pessoas nos países pobres. Para financiar os prêmios, ele se ofereceu para vender sua coleção de selos, no valor de mais de um milhão de dólares, e doar o dinheiro para a Fundação Nobel.

Jakob ficou alarmado com a desconexão entre a urgência dos problemas globais e a maneira como a comunidade internacional estava lidando com eles. Ele viu como tomadores de decisão encontravam-se a portas fechadas, distantes do contato com a realidade. Ativistas e organizações da sociedade civil se reuniam ao mesmo tempo fora das salas de reuniões, apresentando frequentemente soluções construtivas aos problemas. Contudo suas propostas não foram levadas a sério, e Jakob queria fazer algo acerca disso.

”Quem receber o Prêmio Nobel será ouvido”, ele pensou, e contatou a Fundação Nobel, que, educadamente, rejeitou a proposta de estabelecer dois novos prêmios. Aí então Jakob decidiu criar a Right Livelihood Award para apoiar as pessoas que lutam por um mundo justo, pacífico e sustentável. Ele foi em frente e vendeu partes da coleção de selos, e foi assim que tudo começou. A Right Livelihood Award recebeu muita atenção quando foi apresentada pela primeira vez, em 1980, um dia antes do Dia do Prêmio Nobel. Hoje é uma das mais prestigiadas premiações em sustentabilidade, justiça social e paz.

A renda com a venda de selos gerou meios suficientes para dar pontapé inicial ao prêmio, contudo, desde então Right Livelihood Award recebe seu financiamento oriundo de doações de indivíduos. Uma característica única desde o início é que o Prêmio vem acompanhado de longo prazo, que inclui trabalho em rede e proteção para Laureados sob ameaça. Por causa de sua história de fundação, passou a ser conhecido como o ‘Prêmio Nobel Alternativo’.

1980

The Right Livelihood Award first presented in Stockholm. The "Right Livelihood Foundation” registered on the Isle of Man.

1982

The Right Livelihood Award logo created by Gro Isali Faye Stjerneham.

1985

First presentation of the Right Livelihood Award in the Swedish Parliament.

1987

Award office established in the School of Peace Studies at the University of Bradford. Paul Ekins becomes its Executive Director.

1990

10th Anniversary Conference near Genova, Italy.

1991

The office of the Right Livelihood Award Foundation moves to Sweden, first full-time paid staff in Sweden recruited.

1995

15th Anniversary Conference in Cologne, Germany.

1999

20th Anniversary Conference in Salzburg, Austria.

2003

The total number of Laureates reaches 100.

2005

25th Anniversary Conference in Salzburg, Austria.

2006

Ole von Uexküll becomes Executive Director.

2007

Establishment of the Swiss Right Livelihood Award Foundation.

2009

2009 Establishment of the Right Livelihood College on the initiative of 1982 Laureate Anwar Fazal.

2010

30th Anniversary Conference in Bonn, Germany.

2011

Establishment of the protection programme for threatened Laureates.

2013

First Regional Conference held in Bogota, Colombia for Latin America and the Caribbean.

2015

Jakob von Uexküll retires from Board.

2015

Geneva office established, Stockholm office moves to the Right Livelihood House in Gamla Enskede.

2016

The Right Livelihood Award gets a new look.